• Mateus Lamari

A Fisioterapia na Melhor Idade

O envelhecimento, na maioria dos casos, vem acompanhado de problemas de saúde ou físicos. O idoso tem ossos, tendões e músculos mais frágeis e doenças graves que diminuem drasticamente a qualidade de vida.



Com a fisioterapia e fisioterapia preventiva o idoso pode retardar e prevenir muitos desses problemas. Assim como diminuir o risco de complicações ou sequelas de uma queda ou até mesmo um AVC, por exemplo.


A fisioterapia preventiva para idosos inclui exercícios físicos e respiratórios, que, aliada às terapias alternativas - acupuntura, pilates e RPG, podem prevenir doenças como:

  • Hipertensão; 

  • Diabetes; 

  • Osteoporose; 

  • Tendinite; 

  • Doenças cardíacas; 

  • Artrose; 

  • Hérnia.

Ajudam a melhorar a flexibilidade, equilíbrio, coordenação motora, postura e concentração.

Colaboram no controle de doenças como: insônia, ansiedade, depressão, dores nas articulações e músculos, e o que é muito importante, ajudam a melhorar a autoestima do paciente. 


A fisioterapia preventiva para idosos não tem contraindicações, porém o idoso que tenha algum problema de saúde deve procurar um médico para que sejam feitos exames físicos, cardíacos, neurológicos e outros. 


Atualmente os idosos estão cada vez mais preocupados com a saúde. Há uma procura maior por terapias para tratamento e prevenção de doenças, com o objetivo ter uma boa qualidade de vida por mais tempo. E isso depende muitas vezes do incentivo dos familiares e responsáveis para a busca de cuidado e informação necessária para essa grande parte da população que se encontram na melhor idade.

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo